9.7.12

MONUMENTO A PEDRO ÁLVARES CABRAL

TEXTO DE VERA DIAS, gerente de Monumentos e Chafarizes da Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos da Prefeitura do Rio de Janeiro



O conhecido monumento a Pedro Alvares Cabral, foi realizado para ser o Marco Comemorativo do Descobrimento do Brasil, nas festas do quarto centenário em 1900.

Obra do escultor Rodolfo Bernadelli, mostra a figura principal, Pedro Alvares Cabral, com uma expressão do arroubo, com  olhar para frente em leve subida. Este empunha na mão direita uma bandeira, sinal da conquista e de reverência, com o braço esquerdo aberto segurando seu chapéu.

Logo abaixo, praticamente nas costas de Cabral está Pedro Vaz Caminha, escrivão da frota, que registrou a descoberta, na carta enviada aos reis de Portugal. A figura olha para as céus, numa expressão de admiração, enquanto segura na mão esquerda o documento do feito.

Um pouco mais abaixo, ao lado, está Frei Henrique de Coimbra, capelão da frota, que celebrou  a primeira missa.  A estátua do Frei se apresenta com os dois braços cruzados na sua frente segurando um crucifico e olhar para os céus. 

O Monumento mede 10 metros de altura. A forma hexagonal do pedestal em granito carioca permite que cada uma das figuras seja observada isoladamente, valorizando os homenageados pela descoberta do Brasil.


Pedro Alvares Cabral, com uma expressão do arroubo, com  olhar para frente em leve subida. Este empunha na mão direita uma bandeira, sinal da conquista e de reverência, com o braço esquerdo aberto segurando seu chapéu.

Frei Henrique de Coimbra com os dois braços cruzados na sua frente segurando um crucifico e olhar para os céus

Pedro Vaz Caminha: A figura olha para as céus, numa expressão de admiração, enquanto segura na mão esquerda o documento do feito.  
Fotos do editor do blog. Vera Dias edita o excelente blog As histórias dos monumentos do Rio de Janeiro (ver BLOGS QUE ACOMPANHO na barra vertical à direita). O monumento fica perto da estação de metrô Glória.

Nenhum comentário: