7.7.07

CRISTO REDENTOR

(UMA DAS SETE MARAVILHAS DO MUNDO)
VISTO POR DIFERENTES FOTÓGRAFOS

A Grande Muralha da China, Petra, Taj Mahal, Cristo Redentor, Machu Picchu, pirâmide de Chichén Itzá e o Coliseu de Roma são as Sete Maravilhas do Mundo, anunciadas em 7 de julho numa cerimônia que decorreu em Lisboa.

A primeira nova maravilha a ser anunciada foi a Grande Muralha da China, erguida há mais de dois mil anos e que se estende por cerca de 6.700 quilômetros.

Petra (Jordânia), a estátua de Cristo Redentor, situada no topo do Corcovado, e a cidade inca Machu Picchu (Peru) também foram eleitas as novas maravilhas do Mundo.

O futebolista português Cristiano Ronaldo anunciou a vitória da pirâmide de Chichén Itzá, localizada na península de Yucatán, no México.

O coliseu de Roma, o único monumento europeu a ser eleito, e o Taj Mahal (Índia), monumento mandado erguer pelo imperador Shah Janan em honra da mulher, a princesa Mumtaz Mahal, completam a lista das Sete Maravilhas do Mundo. A eleição das Novas Sete Maravilhas do mundo, que decorreu no Estádio da Luz, em Lisboa, foi uma iniciativa da
New 7 Wonders Foundation, criada em 2001 pelo antigo produtor suíço Bernard Weber.
(texto extraído do site Sapo)


Soraya Villani

Desde o início da implantação da cidade, a montanha do Corcovado chamava a atenção dos viajantes e moradores. Picadas foram abertas e o seu topo foi alcançado. [...]

No século XIX, já era comum programar-se um passeio culminando com um belo piquenique lá em cima. Assim, em 1884, foi inaugurada a estrada de ferro de acesso ao Corcovado, um audacioso feito da engenharia nacional: uma pequena "Maria Fumaça", com sistema de tração à cremalheira, empurrava o restante da composição até o alto.

Lá em cima, novas melhorias aguardavam o visitante, pois, há muito tempo, o velho barracão cedera lugar a um charmoso caramanchão, carinhosamente batizado pela população como o "Chapéu do Corcovado", pois seu estilo de construção lembrava um chapéu chinês. Em 1912, com a eletrificação da via férrea, a "Maria fumaça" foi aposentada e os passeios ao Corcovado perderam parte de seus encantos.

(Texto extraído do livro Rio Antigo por Camões - conheça um pouco da arte de Eduardo Camões na postagem Imagens do Rio Antigo deste blog.)


Rogério Haesbaert


Rogerio Bandeira


Pedro Arias Martins


Luiz Mauro Gomes Silveira


Os novos passeios foram mais consideráveis.

Primeiro ao Corcovado, assalto ao gigante, hoje domado pela vulgaridade da linha férrea.

Às 2 horas da noite, troaram os tambores como em quartel assaltado. Os rapazes, que mal havíamos dormido, na excitação das vésperas, precipitaram-se dos dormitórios. Às 3 e pouco estávamos na serra.

Aristarco rompia a marcha, valente como um mancebo, animando a desfilada como Napoleão nos Alpes.

Passeio noturno de alegria sem nome. [...]

Ao passo que nos elevávamos, elevava-se igualmente o dia nos ares. Apostava-se a ver quem primeiro cansava. Ninguém cansava. Cada avanço da luz no espaço era como um excitante novo para a jornada, suavizando a doçura do alvorecer todo o esforço da ascensão. Quando a música parava, ouvíamos na alvenaria do grande encanamento, pelos respiradouros, as águas do Carioca, ciciando queixas poéticas de náiade emparedada.

Avistávamos por hiatos de perspectiva a baía, o Oceano vastamente desdobrado em chamas, extenso cataclismo de lava.

No planalto do Chapéu de Sol paramos. O diretor convencionou que, ao sinal de debandar, assaltaríamos na carreira o espigão de granito empinado à extrema do monte. A rapaziada aclamou a proposta, e, com um alarido bárbaro de peleja, arrojamo-nos à conquista da altura.

(Raul Pompéia, O Ateneu, VIII)



Lucio Vianna Alves


Fabio Fernandes


Diogo de Souza


Cristiano Goldenberg


Arthur Guilherme Eder


Com que então eu amava Capitu, e Capitu a mim? Realmente, andava cosido às saias dela, mas não me ocorria nada entre nós que fosse deveras secreto. Antes dela ir para o colégio, eram tudo travessuras de criança; depois que saiu do colégio, é certo que não estabelecemos logo a antiga intimidade, mas esta voltou pouco a pouco, e no último ano era completa. Entretanto, a matéria das nossas conversações era a de sempre. Capitu chamava-me às vezes bonito, mocetão, uma flor - outras pegava-me nas mãos para contar-me os dedos. E comecei a recordar esses e outros gestos e palavras, o prazer que sentia quando ela me passava a mão pelos cabelos, dizendo que os achava lindíssimos. Eu, sem fazer o mesmo aos dela, dizia que os dela eram muito mais lindos que os meus. Então Capitu abanava a cabeça com uma grande expressão de desengano e melancolia, tanto mais de espantar quanto que tinha os cabelos realmente admiráveis - mas eu retorquia chamando-lhe maluca. Quando me perguntava se sonhara com ela na véspera, e eu dizia que não, ouvia-lhe contar que sonhara comigo, e eram aventuras extraordinárias, que subíamos ao Corcovado pelo ar, que dançávamos na lua, ou então que os anjos vinham perguntar-nos pelos nomes, a fim de os dar a outros anjos que acabavam de nascer. Em todos esses sonhos andávamos unidinhos.

(Machado de Assis, Dom Casmurro, Cap. XII)



Arthur Guilherme Eder


Alaor Modesto


Ivo Korytowski

As fotos desta postagem foram finalistas do concurso Imagens do Cristo promovido pelo Jornal do Brasil, em parceria com a Oi, tendo sido publicadas em encarte especial do jornal em 19 de novembro de 2006. Veja também neste blog a postagem Corcovado & Cristo Redentor.

16 comentários:

Taia disse...

Fotos lindíssimas.
Posso te enviar umas?
Beijo grande.

dolores disse...

Hi Ivo,
Impossivel ficar indiferente a manifestacao da beleza e certeza do ser superior. Mesmo o mais incredulo curva-se a arte de saber enxergar atraves de lentes, a presenca divina.
Que Cristo continue a abencoar essa cidade maravilhosa!
Beijinhos c carinho

Toronto-Ca

Kristal disse...

Que maravilha, Ivo !
Meu sonho era fazer amor aos pés do Cristo Redentor, mas nenhum namorado ainda topou.

Beijos Kristalinos

ROGEL SAMUEL disse...

NOVA FOTO SUA NO NOSSO BLOG, CONFIRA, ABRAÇO, ROGEL

Siomara de Cássia Miranda disse...

Prezado Ivo
Belíssimas fotos!As lentes são capazes de nos mostrar algo divino,escondido na beleza da montanha e da estátua do Cristo Redentor!
Um abraço!
Siomara de Cássia Miranda

Léa Madureira disse...

Estive sem condições de visitar seu blog mas, agora, matando a saudade, a mesma avidez e o alimento. A gente se abastece, realmente, com a grande vitalidade, do texto às imagens, aqui oferecida. Todas as cores as vozes as reentrâncias bem temperadas de nossa cidade.
Que alegria!

Naldo disse...

Imperdível...
Paisagens, descrições, história, fatos etc, tudo sobre o Rio e disponível a todos...
(referência ao blog no tópico Apaixonado pelo Rio da comunidade Eu Amo o Rio de Janeiro do Orkut)

Labouré disse...

Se houvesse, hoje, a escolha do melhor blog sobre o Rio de Janeiro, sem dúvida, Literatura & Rio de Janeiro ganharia o meu voto.
Parabéns! É uma beleza esse trabalho que você faz!
(enviado por e-mail)

Eliete Santos disse...

O céu mais bonito do mundo, Praia de Copacabana, a mais bonita do mundo, agora mais um título
conquitado pelo Rio de Janeiro/Brasil: CRISTO REDENTOR, UMA DAS NOVAS 7 MARAVILHAS DO MUNDO.
Mais uma vez digo: COMO É BOM SER CARIOCA.

Alexandre Core disse...

Oi Ivo,

O que me intrigou com essa eleição é que era para escolhermos as 7 NOVAS maravilhas. Porém, das 7 que foram escolhidas, nova mesmo, em termo de idade, é o Cristo Redentor (um jovem senhor de 75 anos). As outras já contam centenas de anos, milhares até, nas costas.

abrs,
Alexandre Core

Marilia disse...

Lindo seu trabalho, como sempre.
Bjs

Siomara de Cássia Miranda disse...

OI,Ivo!!!As fotos são de tirar as palavras de qualquer pessoa!!!
Abraços
Siomara

Lelec disse...

Lindas fotos, belos textos, à altura da beleza conspurcada do Rio. Parabéns pelo blog!
Abraço,
Leonardo

Taís Luso de Carvalho disse...

Olá, Ivo, aquele Cristo entre as nuvens, abençoando nosso pobre País...tá demais.
Lindíssimas as fotos.Incríveis. Hoje estou visitando os amigos.Boa semana!
Abraços
Taís

Anônimo disse...

Preciso manter contato, essas fotos do Rio, são suas???

Ivo Korytowski disse...

Essas fotos são de diferentes fotógrafos cujos nomes estão sob cada foto.