11.2.07

ESTAMOS DE LUTO

O blog Literatura & Rio de Janeiro tem procurado mostrar aos seus visitantes o Rio Cidade Maravilhosa, o Rio alto-astral. Mas esta semana estamos de luto pelo martírio – sim, esta é a palavra apropriada, aquilo que Jesus Cristo sofreu – do menino João Hélio Fernandes. O blog tem defendido a tese de que o tráfico e banditismo atualmente representam, na prática, uma nova forma de ditadura, privando nós, brasileiros, de nossos direitos constitucionais e ameaçando o Estado de Direito.

Na época da ditadura militar, bravos brasileiros arriscaram sua integridade no combate ao arbítrio. Hoje não vemos o mesmo tipo de reação ante a nova forma de tirania. O que vemos é a omissão e o acovardamento. Cala-se a sociedade civil (OAB, ABI etc.) Cala-se a Igreja (e as outras religiões também). Calam-se os nossos representantes políticos. Cala-se a Magistratura. Calam-se os estudantes. Cala-se a esquerda (que se julga tão combativa). Cala-se a direita. Calam-se todos...

Diante de tanta barbaridade (pessoas queimadas vivas, jovens torturados, crianças martirizadas...) não podemos nos calar. Reação já!

ABAIXO A DITADURA!

5 comentários:

Jôka P. disse...

Ivo,
um abraço e aminha solidariedade a todas as famílias que estão de luto por episódios tão chocantes que são conseqüência da maldade e da falta de noção de humanidade desses bandidos psicopatas, que na cadeia terão o que merecem !
E muito obrigado pelos votos de felicidades pelo aniversário de Môka,a minha querida irmã !

Cris Zimermann disse...

Olá, Ivo!

Vc precisa passar no BOB – http://brasil.business-opportunities.biz

Venha fazer parte da primeira página dos blogueiros(as) brasileiros e espalhe a novidade ;)

Bj$$$

Cris Zimermann
Business Opportunities Brasil
Virtual Entrepreneur

Kristal disse...

Eu pegava esses moleques assassinos, botava em um barco, mandava para alto mar e afundava todo mundo.

Paulo Osrevni disse...

É justamente isso que estou tentando dizer: abaixo à ditadura que faz com que nosso Estado de Direito seja um pedaço de papel sem grande efeito prático. Um país que forma suas crianças de maneira que uma parte vire monstros e outra parte vire incapaz de reagir à monstruosidade com mais do que palavras vazias de indignação e ódio estéril; e que não querem resolver a situação mas, pelo contrário, apenas mantê-la intocada para poder regalar-se com o banho de sangue. Reagir a eventos como esse discutindo a redução da maioridade penal, uma canetada como tantas outras que nosso país conhece, só poderia mesmo acontecer numa terra obtusa e decadente como o Brasil. Se não é para resolver a situação, melhor é esconder-se debaixo das cobertas e assistir aos massacres pela TV. É necessário agir, e agir direito. COnstruir um novo Brasil. Gritar slogans é bonito e faz a gente se sentir bem, mas mantém tudo exatamente como está.

Siomara de Cássia Miranda disse...

Prezado Professor Ivo!Eu gostaria de agradecê-lo pela oportunidade de oferecer solidariedade para a FAMILIA DO MENINO JOÃO HÉLIO E APRESANTAR TAMBÉM A MINHA INDIGNAÇÃO COM UM CRIME TÃO BRUTAL.
Você usou o termo certíssimo:"O MARTIRIO DO MENINO JOÃO HÉLIO"
Senhores moradores da Cidade do Rio de Janeiro:Não vamos fazer nada?E se fosse o meu ou o seu filho?...O que vocês fariam?...
Familia do JOÃO HÉLIO,o meu abraço de pesar e a minha indignação com a DITADURA BANDITISTA...
Siomara de Cássia Miranda
Professora de inglês(tia de várias crianças)