14.12.05

ATENTADO AO ESTADO DE DIREITO

Está no O Globo de hoje:

"Usando fardas da Polícia Militar, traficantes da Favela da Parada de Lucas invadiram na madrugada de ontem casas na comunidade vizinha, Vigário Geral, e seqüestraram sete jovens — com idades entre 15 e 24 anos — enquanto eles dormiam."

Invadir lares na calada da noite e seqüestrar moradores que dormem constitui um atentado ao Estado de Direito. Lembra bem as ações das polícias políticas nos regimes ditatoriais. Aliás, há tempos o Estado de Direito deixou de prevalecer nas áreas periféricas e marginalizadas das metrópoles brasileiras. Onde estão aquelas vozes corajosas que se manifestaram - e se manifestam até hoje — com tanta coragem contra o arbítrio do regime militar? Por que se calam ante o novo arbítrio?

7 comentários:

Marilia Mota disse...

Nossa, Ivo! O quadro está cada vez mais assustador.

luizalbertomachado disse...

Estou sempre por aqui, amigo Ivo, hoje acertei deixar um comentário: parabens, ótimo! Estou sempre indicando nas minhas páginas.
Abração
www.luizalbertomachado.com.br

Celso disse...

Boa pergunta !
Onde estão os que tantos erros apontam pelo Brasil afora ! Que cinicamente caluniam os defensores de suas terras contra os invasores impiedosos, organizados por ong's de cunho nitidamente comunista ! Que pedem justiça para irmã Dorothy, mas não abrem a boca para defender os fazendeiros massacrados.Que apoiam as condenações contra fazendeiros, mas que são contra a do Sr. Rainha, embora assentada em incontestes provas. Está aí meu caro Ivo, quando a democracia só serve para um lado, ela deixa de ser democrática. Desculpe-me, mas não vejo o Brasil como um Estado de Direito, mas um Estado de Desrespeito.

(enviado por e-mail)

Erik José Steger disse...

Façam seus protestos não só no blog mas também junto à oposição, escrtevendo para o Congresso Nacional e a ALERJ, de preferência para parlamentares Tucanos. O PSDB já provou que é um partido sério.

Se estão em dúvida, visitem:
http://www.psdb-rj.org.br/index.php

Erik José Steger disse...

O que ocorre, no meu entendimento, é que o governo do estado não dá prioridade à segurança pública. Todos sabem que as polícias do Rio são mal pagas (quando são pagas) e mal equipadas. Depois reclamam que existem muitos policiais corruptos. Em todos os países civilizados, ser polícia paga muito bem. Isto permite selecionar os melhores, os incorruptíveis, uma elite de pessoas realmente interessadas e motivadas para combater o crime.

Erik José Steger disse...

Já estamos agora em março de 2006 e o tema continua vivo, ao contrário de tantas "vítimas dos problemas". A Governadora "Rosadinha" nada fez de eficaz e o presidente Lula botou o exército na rua "para apreender armas roubadas de quartéis" ah, ah, ah. Para quem acreditou, pois todos sabemos que se houvesse um real interesse de Lula em combater crimes, ele teria que prender mais de doi terços de seu partido político.

Erik José Steger disse...

Corrigindo os erros de datilografia:
Já estamos agora em março de 2006 e o tema continua vivo, ao contrário de tantas "vítimas dos problemas". A Governadora "Rosadinha" nada fez de eficaz e o presidente Lula botou o exército na rua "para apreender armas roubadas de quartéis" ah, ah, ah. Para quem acreditou, pois todos sabemos que se houvesse um real interesse de Lula em combater crimes, ele teria que prender mais de dois terços de seu partido político.

Sábado, Março 18, 2006 8:20:22 PM